Skip to content

A Francofonia
Mantém-nos juntos

O mês de março é sinónimo de celebrar a Francofonia em Portugal. 

No ano passado celebramos esta data com atividades dinamizadas sobretudo em formato online dado à situação pandémica, sob o lema “A Francofonia mantém-nos juntos!”.

O lema que nos acompanha mantém-se, porém, a Festa da Francofonia surgirá este ano de forma adaptada e reinventada com o intuito de partilhar com todos os portugueses os valores e a relevância da Francofonia no mundo. 

Assim, os 12 países: (Andorra, Bélgica, Canadá, Costa do Marfim, Egito, França, Luxemburgo, Marrocos, Roménia, Senegal, Suíça e Tunísia) fazem-lhe o convite para a vir descobrir e conhecer a panóplia de experiências que temos planeadas no próximo mês, que visam partilhar a diversidade cultural, gastronómica e artística dos países envolvidos, mas sempre, evidenciando que a partilha de uma língua comum permite manter a união. 

Prevemos um programa diferente e abrangente a todos os interesses e idades: desde a arte à música, de um podcast juvenil às atividades lúdicas, contamos com atividades que interligam a francofonia e a cultura portuguesa, dando principal destaque à promoção e participação do dinamismo dos jovens francófonos e portugueses e realçando a importância da educação no contexto geral. 

Contamos consigo para celebrar!

 

Esta iniciativa conta com os países membros e observadores da OIF (Organização Internacional da Francofonia) com representação diplomática em Portugal (Embaixada de Andorra; Embaixada do Canadá; Embaixada da Costa do Marfim; Embaixada de Egito; Embaixada de França; Embaixada do Luxemburgo; Embaixada do Reino da Bélgica; Embaixada do Reino de Marrocos; Embaixada de Roménia; Embaixada do Senegal; Embaixada da Suíça; Embaixada da Tunísia) e dos Institutos Culturais Francês e Romeno, com o apoio da Alliance Française de Lisboa, da APPF (Associação Portuguesa dos Professores de Francês), da APEF (Associação Portuguesa de Estudos Franceses) e do Lycée Français Charles Lepierre de Lisboa. 

Mas também, com a efetiva participação ativa e empreendedora de escolas, associações, universidades, a rede das Alianças Francesas no país e daqueles que se juntarem, que proporcionarão eventos e atividades no seio da Festa da Francofonia em todo país, no continente, bem como, nos arquipélagos dos Açores e da Madeira.